quinta-feira, 7 de julho de 2016

UMA VEZ

Uma vez
teus cabelos soltos no vento
teu sorriso acanhado
palavras trocadas
Uma vez
um sonho, uma poesia
lábios que 
se encontraram
corpos que se uniram
Uma vez o amor
Uma vez, solidão!
Fabrício Colombo

Nenhum comentário:

Postar um comentário